Como vocês já viram no post do meu look  da semana passada, no domingo dia 13 a gente resolveu sair sem destino certo e acabamos indo para Urubici conhecer a cidade e seus pontos turísticos, que eu não conhecia.

A cidade de Urubici  fica a uns  60 km de São Joaquim, 158 km de Florianópolis. Na minha opinião é a cidade mais  linda da Serra Catarinense. Tem  paisagens naturais e é um destino perfeito para quem gosta de  ecoturismo e turismo de aventura. O acesso para os seus pontos turísticos é de fácil acesso em um dia a gente quase viu tudo. A cidade também possui várias pousadas.

´´No cume do Morro da Igreja (1.822 metros), o ponto mais alto habitado do sul do Brasil, localizado no município, foi registrada, extra-oficialmente, a temperatura mais baixa do país −17,8°C, em 29 de junho de 1996´´. Infelizmente a gente não conheceu, precisa pegar autorização para poder subir até o Morro da Igreja, vai ficar para o próximo passeio por lá. 

Quem for conhecer a cidade é importante  passar na casa de informações para tirar as duvidas que fica no centro da cidade.

Cascata do Avencal

Nossa primeira parada foi na Cascata do Avencal, uma queda d’água incrível com 100 metros de altura. O lugar é lindo e merece vários clicks. A cascada fica em uma pousada e é perfeito para praticar rapel e andar na tirolesa que passa no meio da cascada.

Cascata-Avencal

Cascata-Avencal-2

Cidade e Igreja

Depois fomos para cidade para procurar um restaurante para almoçar, antes do almoço paramos para tirar fotos na igreja.

a-Urubici

Cascata Véu de Noiva

A Cascata Véu de Noiva, que possui 62 metros de altura, com a água escorrendo por um paredão. Na mesma estrada subindo para conhecer  Cascata Véu de Noiva vai para o ponto turístico mais famoso da cidade o Morro da Igreja, que infelizmente não conhecemos porque precisa pegar autorização para subir, a gente nao quis voltar para o centro da cidade, como agora estamos morando aqui pertinho podemos ir mais vezes para lá.

veu-de-noiva

Serra do Corvo Branco

A estrada passa pelo meio de dois enormes paredões de 90 metros de altura, num local que é considerado o maior corte em rocha arenítica do Brasil. A estrada estreita e as curvas que surgem logo em seguida, descendo a serra, deixam o cenário ainda mais interessante.

serra1serra-2